sexta-feira, 6 de dezembro de 2019

KATANGA

1960. A África colonial se esfacela. O Congo após oitenta anos de domínio colonial da Bélgica, proclama sua independência. Isso não deixa muitas companhias de mineração europeias contentes, resolvendo criarem seus próprios "países" para poderem continuar sua exploração de terras africanas. Assim surge Katanga. É nesta terra de quase dois séculos de história que nosso thriller político acontece. Europeus e os locais se engalfinham por cada centavo que puderem pegar para si, isso tudo temperado com sexo, religião e reminiscências de outros conflitos que desaguam neste país. Escrita por Fabien Nury e com a bela arte de Sylvain Vallée, uma produção do Quadrinhos Inglórios.

Nenhum comentário:

Postar um comentário